fbpx

Ametropia: Conheça os Diferentes Tipos

Ametropia: Conheça os Diferentes Tipos

Uma pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostrou que no Brasil mais de 35 milhões de pessoas sofrem com algum problema de visão, esse número representa quase 19% da população.

É um número elevado e muitos desses problemas poderiam ser evitados se as pessoas se atentassem mais para saúde dos olhos, com cuidados que devem começar desde cedo. Essa é a melhor forma de prevenir doenças.

Os problemas mais comuns são as ametropias, que englobam a miopia, o astigmatismo, a hipermetropia e presbiopia. São problemas de visão que podem ser revertidos, para isso, o ideal é sempre manter em dia a sua consulta com o oftalmologista.

O que é Ametropia?

A ametropia também é conhecida como erro refrativo, que é um distúrbio visual decorrente da focalização inadequada da luz que chega à retina.

Em uma situação normal em que não há problemas de visão, a luz que vem dos objetos entra no olho através da córnea e chega à retina. Isso chamamos de emetropia, que é a condição em que a luz que chega à retina proporciona uma imagem nítida, resultando numa visão normal.

Entretanto, um grande número de pessoas precisa usar óculos ou lentes de contato para ter uma visão normal. Essa é a forma comum de compensar os problemas de visão causados pela ametropia, que inclui a miopia, a hipermetropia, o astigmatismo e a presbiopia.

Tipos de Ametropia

São 4 os tipos de ametropias mais comuns:

Miopia

É um dos erros de refração mais comum que afeta a visão. A pessoa vê objetos próximos com clareza, entretanto, objetos que se encontram mais distantes são vistos borrados. É a ametropia que a pessoa tem dificuldades para enxergar de longe.

Ela normalmente aparece na infância e pode ter um risco mais elevado de acometer as pessoas que já possuem pais míopes. Na maioria dos casos, a miopia se estabiliza, ou seja, o grau pára de aumentar no início da idade adulta, mas em alguns casos ele continua a progredir com a idade.

Hipermetropia

É um erro de refração em que a pessoa tem dificuldade de enxergar objetos que estão próximos, atrapalhando principalmente o hábito da leitura.

Entretanto, quando em grau mais elevado, a hipermetropia pode causar também diminuição da visão para longe, cansaço ocular e dor de cabeça, principalmente no fim do dia, após esforço visual prolongado. Já em graus mais baixos, ela pode não ter sintoma e a pessoa nem percebe que possui o problema.

Astigmatismo

É um erro de refração que se caracteriza pela formação da imagem em vários focos e o seu principal efeito é a distorção da imagem. Para as pessoas que possuem esse problema, todos os objetos, tanto próximos como distantes, ficam distorcidos.

O astigmatismo pode vir acompanhado de miopia ou hipermetropia e geralmente causa dor ocular e dor de cabeça. É causa freqüente de fotofobia ou intolerância à luz.

Presbiopia

É um distúrbio da visão ligado à idade, conhecida como vista cansada, é a dificuldade na visão de perto que geralmente surge após os 40 anos de idade. A presbiopia é um processo relacionado ao envelhecimento.

Tratamentos da Ametropia

As ametropias podem ser corrigidas com o uso de óculos, lentes de contato ou com cirurgia refrativa. Para saber qual o melhor tratamento para o seu caso, se submeta a uma consulta oftalmológica com exame completo.

Como você viu, são problemas de visão que podem ser revertidos, para isso, você precisa cuidar da saúde dos seus olhos, essa é a melhor forma de prevenir doenças.

Agende uma consulta aqui na SP Oftalmo.

Unidade Saúde

Tel: (11) 5073-6264

WhatsApp: (11) 94257-6853

Unidade Jardins

Tel: (11) 3141-2999 / (11) 3171-0082 / (11) 3285-4805

WhatsApp: (11)95318-9602

Share: