fbpx

Problemas Oculares em Mestres da Pintura: Monet

Problemas Oculares em Mestres da Pintura: Monet

Monet foi o pintor que deu nome ao impressionismo e é considerado um dos líderes do movimento, ao lado de Degas, Renoir, Cézanne, entre outros.
O impressionismo foi muito importante pois rompeu com o passado e abriu caminho para a pesquisa artística moderna.

Monet foi um pintor muito ativo, criou mais de 5.000. Inevitavelmente, aos 72 anos, foi diagnosticado com catarata nos dois olhos. A patologia pode ter sido agravada devido às intensas horas de trabalho ao ar livre. A representação da luz solar nas paisagens é uma característica essencial do impressionismo, e atualmente sabemos que a exposição à radiação ultravioleta é um clássico fator de risco para catarata.

O artista percebeu as mudanças na percepção das cores, sintomas típicos da doença:

“Não percebo mais as cores com a mesma intensidade nem pinto a luz com a mesma precisão. O vermelho aparece lamacento para mim; já o rosa, insípido; e os tons intermediários ou menores me escapam por completo. O que eu pinto está cada vez mais escuro, mais e mais como uma fotografia antiga.”

Veja abaixo como a doença afetou sua visão. Na primeira imagem, quando pintou a ponte japonesa em seu jardim em Giverny, em 1899; Na segunda, quando tentou capturar a mesma cena 20 anos depois, mostrando que as cataratas tornaram sua visão turva e que o amarelamento de suas lentes prejudicaram a visão das cores azul e verde, obrigando o pintor a viver em um mundo mais vermelho e marrom.

Image result for monet ponte japonesa problemas oculares

Image result for monet ponte japonesa

 

.

A SP Oftalmo é uma clínica oftalmológica que atende a diversos convênios e com diferentes tratamentos, desde consulta de rotina a cirurgias como catarata, blefaroplastia ou refrativa. Temos 2 unidades no Jardins e na Saúde, agende sua consulta ou tire suas dúvidas clicando aqui

Share: